Agradeço e perdôo

Devíamos iniciar o dia sempre com duas palavras em mente: Perdão e obrigada (o). Mas não é assim que acontece, muito pelo contrario, e acredito que todos neste mundão de Deus estão sujeitos as revoltas das voltas que o mundo dá. O mau humor até certo ponto não é uma escolha é uma conseqüência, e a felicidade também me parecer caminhar assim. Já ouvir dizer que o humor que vamos ter é como uma roupa que escolhemos. Mas vamos ser lógicos, a nossa mente é um mistério nossos hormônios são complicados e estamos pré-dispostos a uma serie de acasos que fazem de nós o que somos. O que estou querendo dizer é que em minha opinião, não devemos julgar as pessoas quanto ao seu jeito de reagir a sortes e aos infortúnios. Desde que não desrespeite ninguém.

Quanto estou assim, mais para baixo do que para cima, penso nestas duas palavras. Sou grata pela vida que tenho por tudo o que sou e por ter oportunidades e escolhas. Sentimentos ruins parecem querer invadir minha alma e sentir gratidão quando estamos nos sentindo mal faz com que eu me sinta mais leve, mais humana e consequentemente sinto o perdão. Perdão de mim para eu mesma, perdão de Deus e do universo. Às vezes isso é um processo que demora, mas se confessar para vocês algo tão intimo é porque realmente vale a pena.

Ainda sobre o perdão, depois da prece matinal vem acompanhado um raciocínio:

Magoamos tanta gente por aí, prefiro pensar que nunca é por mal, embora saiba que a existem muitos mais sádicos por ai do que sonha minha vã filosofia. O fato é que, intencional ou não, a gente magoa mesmo sem querer magoar, e somos magoados com frequência também.

Depois que passa, pelo menos para mim, é fácil liberar o perdão. Agindo assim, sinto que sou perdoada.

Como tudo na vida é exponencial, quem magoa o outro, acaba magoando a si próprio também, como da mesma maneira, quem pede perdão, deve se perdoar sobretudo.

E a terra no meio disso. E a gente no meio disso. E as pessoas a quem tanto devemos agradecer e a tantas a quem devemos pedir perdão. A gente mesmo, Deus.

E nessas emanações amorosas a reciprocidade do universo é justa. Porque nessa ciranda de erro e acerto só mesmo o Amor para acertar

Esse ritual deveria ser nato. Não é. Aprendi por necessidade todos nós aprendemos algumas coisas diante da dor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: